Não ouse ficar na minha frente...

27 de dez de 2010 - não enviada por Camila Rufine
Pois meu pai é barra pesada.

Hoje saiu o resultado de um concurso que fiz. Tirei o segundo lugar, mas é só cadastro de reserva. Horas depois de comunicar o meu pai da minha conquista, ele volta para o meu quarto perguntando se eu tinha investigado a procedência da menina que tirou o primeiro lugar:

- Ah, pai. Dei uma investigada, mas não achei nada.
- Então deve ser uma tonta qualquer.
- Pai, se ela é tonta e tirou o primeiro lugar, o que eu sou?!
- Nããão. Não tiro os méritos dela. Mas é que se não tem nada sobre ela, é que ela não tem muitas qualificações e isso é ruim, pois significa que ela está desesperada pela vaga.
- É. Assim como eu.
- O jeito é investigar melhor, descobrir onde ela mora... e mandar matar.


Obs: Se a menina do concurso aparecer morta, não tenho nada a ver com isso. Meu pai pareceu bem convincente ao rir inocentemente depois de sua afirmação, o que me levou a crer que ele tinha acabado de fazer mais uma de suas piadinhas e que eu não serei cúmplice de assassinato nenhum. Mas a ideia até que foi boa.

4 Response to "Não ouse ficar na minha frente..."

  1. Paula de Assis Fernandes Says:

    Camiiiiiiiiis! Parabéns!
    Ou, se souber de qualquer coisa, te aviso! rsrsrs

  2. Michele Matos Says:

    Huahuahuahuahuha
    Eu concordo com seu pai.

  3. NaNah Says:

    Novamente digo, seus pais são uma graça... Pede um pra mim assim?


    saudades de vc, =*

  4. Cleyton Cabral Says:

    Superpai! hehe