Uma carta não-enviada, para você!

1 de set de 2008 - não enviada por Graci
Papéis largados no fundo da caixinha de recordações... Cartas começadas, não-terminadas, não-enviadas... Pedacinhos de dias bons ou ruins, de emoções fortes ou amenas, pedacinhos de alma de duas garotas que sempre escreveram cartas compulsivamente - mesmo que de uma para outra.

Anos passaram, mil coisas fizeram com que as cartas cessassem. Camila ficou morena, Graci só não ficou loira por causa da alergia ao descolorante. Camila ficou em Guarapuava, Graci voltou para casa.

E com 300 quilômetros de distância, as duas retomam o ofício de empunhar a caneta, mesmo sem saber se suas palavras chegarão aos destinatários.

1 Response to "Uma carta não-enviada, para você!"

  1. Paula Says:

    talvez nao um destinatario, mas com ctz vc tem uma leitora, viu?
    amo vccc!